Segurança nas compras online

Segurança nas compras online
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Semana passada falamos dos perigos de revender gift cards na internet e agora, queremos alertar para alguns cuidados que devemos ter na hora de colocar nossos dados na internet e ter o minimo de segurança nas compras online. Na internet não tem volta, uma vez que algo vai parar lá, o mundo todo pode ficar sabendo. Por isso, atente-se para essas dicas!

As vendas online e a responsabilidade

Estão cada vez mais frequentes as compras na internet, só no primeiro semestre de 2019 os E-Commerce cresceram 12% e no ano todo subiu 16%. Ou seja, a quantidade de pessoas que aproveitam-se das praticidades oferecidas está cada vez maior.

Na zero isso é um facilitador enorme, somos 100% online! Contudo, junto com esse grande benefício vem junto alguns riscos.

E como dizia o Tio Ben:

Com grandes poderes, vem grandes responsabilidades!

Com isso em mente, temos o compromisso de sempre garantir a segurança dos nosso gamers. Mas garantir a segurança não significa estar 100% seguro.

Segurança não só nas compras online

Primeiramente é um pouco complicado falar de segurança sem conceituar alguns dos termos e premissas. A coisa mais importante a falar é que por definição não existe isso de 100% seguro.

No Command & Conquer Gerenerals Zero Hour, quando jogávamos com a China, era possível fazer uma central hacker e criar hacker para fazer dinheiro para o seu exército. Uma das falar desse personagem era: “No system is safe” — Nenhum sistema é seguro.

Pois é, mas, surpreendentemente em alguns sites é possível encontrar isso sendo exibido como um diferencial! Acontece que isso além de ser mentira, passa nada além de uma falsa sensação de segurança. Vejam que para um fraude acontece basta alguém mal intencionado, que todo o sistema pode se tornar falho. Nos dias atuais quase não tem pessoas assim né? Pessoas que entram para pegar a maquina de cartões e aproveitam nossa falta de atenção e fotografam os dados do cartão do cliente e etc.

Resumidamente, do ponto de vista da segurança, temos como base em muitos sistemas, a maquina e tudo que a compõe, tais como hardware, tecnologia etc, e temos o fator humano. Para tornar nosso artigo mais simples, falaremos apenas do fator humano e brevemente da tecnologia para começar.

Então para deixar claro, assim como várias coisas na vida, segurança se baseia em pilares que são definidos pelo conjunto do que envolve o bem ou patrimônio, ou o valor do negócio. No nosso caso os nossos clientes.

Como dito anteriormente, por aqui, segurança está em primeiro lugar. Exceto que, ainda assim, não estamos livres das tentativas de fraudes, muito menos os nossos gamers. Então estamos com esse esforço para deixar nossos clientes espertos e fazer com que fiquem protegidos dos tipos mais conhecidos de fraude.

Indicadores de confiabilidade

Mas como saber se posso ou não posso comprar em um site para fazer uma compra online? Existem alguns indicadores que ajudam nessa questão. Alguns são:

  • Certificado Digital;
  • Um domínio válido com o sufixo apropriado, e
  • Boas referências
  • Cartão de Crédito Virtual

A parte mais complicadinha pode ser a pesquisa por boas referencias, as demais são simples. Confira!

Certificado Digital

Para assegurar que um site é legitimo, um certificado digital válido e expedido uma autoridade certificadora autentica deve estar presente ao acessar a página. É possível conferir procurando pelo pequeno cadeado verde ao lado esquerdo do endereço. Mas perceba, que só ter o cadeado não basta, é necessário conferir quem emitiu o certificado pra gente avaliar se teremos o mínimo de segurança naquela compra online.

Um domínio registrado e sufixo apropriado

Na internet existem quase que infinitas maneiras de ter um domínio. Pode parecer exagero, mas acontece que frequentemente as inovações desse campo surgem e nos deparamos com um domínio novo.

No começo, quando tudo era mato na internet existiam apenas alguns e os mais comuns eram .com .com.br. Hoje a lista já está assim:

Lista de terminações disponíveis para registro

Assim sendo, fica meio suspeito acessar um site de venda com um sufixo absurdo, .adv, .edu ou algum outro que não seja .com .com.br por exemplo. Ainda que possa haver, domínios idôneos com terminações diversas, esse é apenas um indicador. Junto dessa dica, outra boa prática, pode ser verificar a quem pertence o registro daquele site.

Consulta Whois Zero3games

Boas referencias para ter mais segurança nas compras online

Com a consulta do registo já começamos a entrar nas boas referencias. Para saber a quem o domínio pode pertencer, também existem várias formas disponíveis na internet, e que recomendamos é a ferramenta do RegistroBr que usamos para fazer a pesquisa da imagem anterior. Ela nos trás algumas informações que nos permitem dizer se um site pode ser seguro.

Veja que, se um site é de um CNPJ, podemos presumir que este então deve estar registrado ao CNPJ e não a um CPF. Porém pode acontecer, afinal todo CNPJ é vinculado a um CPF. Mas, acontece que as vezes por preguiça, aqueles que fazem sites fraudulentos, geralmente de bancos, tendem a colocar qualquer tipo de informação nesses formulários especialmente para não serem encontrados.

Além de verificar no RegistroBr, também é uma boa prática, conferir em alguns dos antivírus mais tradicionais. Alguns sites oferecem ferramentas de verificação.

Consultar sites de antivírus para verificar lojas

Cartão virtual

Nas compras feitas na Zero, não armazenamos os dados do seu cartão de crédito e nem solicitamos, por outro lado em outras lojas pode ser que isso tenha que ficar armazenado por lá.

É ideal que nesse tipo de compra, ter um número de cartão de crédito virtual, que você usa só uma vez e depois ele desaparece. Esse cartão pode ser gerado por um aplicativo ou pelo site do seu banco por exemplo. Assim seus dados, ainda que caiam em mãos de terceiros ou fiquem armazenados não serão usados. Deixando você um pouco mais protegido contra fraudes.

Um banco que oferece isso e inúmeras outras vantagens é o Nubank. De maneira rápida e simples é possível gerar um cartão e deleta-lo. Caso queira saber mais confira esse artigo do Blog da Nubank.

Imagem mostra um celular com destaque para o canto inferior direito, no qual é possível pedir o cartão virtual pelo app do Nubank
Cartão virtual Nubank

Fator Humano

Antes de começar a falar do Fator Humano, vamos esclarecer que, basicamente temos duas modalidades de compras. As feitas no crédito e as feitas com dinheiro ou débito em conta ou pagando boletos.

É importante falar deste fator, porque sem dúvida é o pilar mais frágil, a cada dia os fraudadores inovam e encontram maneiras de pegar pessoas em golpes. Muitas vezes abusando da ingenuidade delas, os golpes vão de boletos falsos a depósito com envelopes vazios.

Lista de Golpes

São tantos golpes que o Serasa oferece uma ferramenta para verificar se seus dados caíram na web. Caso queira saber mais sobre o assistente anti fraudes do Serasa acesse.

Então a melhor maneira de se proteger desses golpes é conhecer um pouco do Modus Operandi dos principais e mais comuns para ter mais segurança nas compras online.

Alguns métodos de golpe

Para garantir a segurança nas compras online na nossa loja, vamos apresentar as práticas mais comuns aplicadas nos nossos clientes que são de nosso conhecimento.

Engenharia Social

Encabeçando a lista temos essa prática muito simples porém eficaz. Geralmente consiste em tentar obter informações de uma pessoa se fazendo passar por outra entidade, um banco por exemplo.

O que ocorre é, alguém te liga e diz ser de algum banco e que está havendo algum problema com seus dados, com sua conta e que precisará de alguma ação, que sempre envolve fornecer seus dados, inclusive sua senha.

Veja o relato dessa vítima

“…clonaram o telefone do Banco 4004-4828… Ligaram me avisando que havia uma tentativa de agendamento de uma TED em minha conta e que para cancelar eu teria que autorizar digitando as senhas normalmente…”

Na página da maioria dos bancos é possível encontrar inúmeras dicas, mas uma muito frequente é que, em hipótese alguma eles vão ligar para solicitar sua senha. E, tem também, aquele fator, quem ligou que deve confirmar os dados!

Phishing

Por definição, essa tecnica consiste em “tentar” pescar o usuário.

Phishing é uma maneira desonesta que cibercriminosos usam para enganar você a revelar informações pessoais, como senhas ou cartão de crédito, CPF e número de contas bancárias. Eles fazem isso enviando e-mails falsos ou direcionando você a websites falsos.
Fonte: avast.com.br

Sabe aquele e-mail oferecendo um super prêmio, ou aquela Nota Fiscal de alguma coisa que você nunca comprou ou não se lembra? Então é mais ou menos por aí, ora, por que devemos abrir um correio para ver uma nota de compra de 3 sacos de ração para cachorro, sendo que nem cão temos?

Deste modo, os Cyber criminosos conseguem instalar um software no seu computador, obter informações te direcionando para uma página falsa ou até sequestrar seu computador com um Ransomware.

Fraudes nas Redes Sociais

Além dessas modalidades, nossos amigos estão sujeitos também as fraudes nas Redes Sociais. Época de Black Friday então é um prato cheio pra esse pessoal. Contudo, para não deixar esse artigo muito extenso falaremos mais sobre isso em outro artigo.

Consequências Legais

Apesar de as compras feitas pela internet serem reembolsadas pelo banco, ninguém quer passar pelo dissabor de ter o cartão cancelado e ficar ao telefone tendo que explicar para um atendente que não reconhece e que de fato não fez aquela compra de R$ 5000,00 no japão as 3:43 da manhã de ontem. Ter que registrar um Boletim de Ocorrência e talvez até ter que participar de desdobramentos judiciais.

Além desse desgosto, a responsabilidade se provada, pode ser transferida ao usuário, por mera irresponsabilidade, ainda que por falta de cautela ou conhecimento. Então, todo cuidado é pouco, a internet é muito boa se usada de maneira consciente. Boas compras!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×